Quando o nosso jardim adormece…

DSCN1825

Dias iluminados e chuvosos tem se alternado por aqui, neste nosso doce cantinho no mundo.

Com a chegada do outono, a duração do dias e a forma como os raios de sol incidem sobre o nosso pequeno jardim, também tem alterado a rotina de nossas queridas plantinhas, que agora, “adormecem” suavemente mais cedo.

E assim, a nossa “hora mágica”, um momento especial para mim, em que anoitece e pequeninas luzes começam a colorir esse nosso recanto, acontece de modo bem mais delicado, fazendo com que os nossos sentidos quase não percebam a transição da luz do dia para a escuridão da noite…Deixando tudo mais aconchegante e muito mais misterioso…

Enquanto isso, nossas flores deste outono, ainda guardam o frescor do dia e espalham sua alegria em pétalas meigas, repletas de puro sonho…

São as nossas raras rosas desses dias, nossos hibiscos valentes que enfrentaram a ardência do verão e tantas outras pequenas flores que enfeitam e ajudam a curar os arranhões do nosso corrido cotidiano…Verdadeiros carinhos do Criador para todos nós.

Sempre uma visão bonita e que tanto ilumina a alma da gente!

DSCN1834

Então, de repente, sem que se perceba, uma luz alaranjada surge brilhando suavemente no jardim…

E lá está a nossa “lanterna mágica”, brilhando como um delicado farol, no tapete úmido e escuro da grama… Uma luz frágil e terna, mas que parece trazer repouso aos nossos corações, anunciando o véu da noite que vem chegando…

DSCN1810

E conforme a Terra gira em torno de si mesma, deste nosso lado da América, as sombras vão se espalhando pelo quintal, trazendo uma áurea romântica e delicada ao jardim…

A “fonte dos anjinhos” se ilumina de um transparente azul, e o ar mais frio do anoitecer convida para um momento sagrado de meditação e de gratidão.

E como é tão bom quando nos lembramos de dar graças pelo dia único e precioso que se passou, e juntar as nossas esperanças para uma nova prece, rumo à um novo e belo amanhã!

DSCN1863

E mesmo que,às vezes,  as sombras de um jardim possam nos lembrar de um pouco de solidão e de nossos próprios medos, elas também nos acenam com a promessa de uma noite tranquila e acolhedora, para compartilhar de bons momentos com as pessoas que amamos, e para sonharmos tantos lindos sonhos!

DSCN1864

Entre o jogo das sombras e da luz, sempre uma nova maneira de ver o mundo…

DSCN1869

Tudo pura inspiração de um jardim que vai lentamente adormecendo, mas que está sempre muito vivo e atento aos segredos da noite, quando pequenas e sonolentas criaturas começam a acordar para a sua rotina noturna…

DSCN1870

São muitas delas mariposas, grilos, vagalumes e demais insetos, que fazem da noite o seu escudo protetor. Assim como várias espécies de sapos e pererecas, lagartixas, morcegos, gambás e tantos outros animais que dormem de dia e se sentem mais vivos ao cair da escuridão noturna.

Aqui no nosso pequeno mundo, até “mariposas iluminadas” aparecem para colorir e alegrar as nossas noites…

DSCN1873

E o barulhinho delicioso das águas das fontes, parece nos lavar das agitações e das lutas do dia, se espalhando e embalando os nossos mais lindos sonhos…

DSCN1881

Entre os muitos mistérios dessas noites no jardim, muitos outros sons podem ser ouvidos ao longo da escuridão, que nessa hora cobre os segredos da terra.

Muitas vezes são apenas os cantos dos sapinhos e das pequeninas pererecas…

Em outras, se ouve os gritinhos agudos dos morcegos que moram na nossa amendoeira gigante…

Mas outro dia desses, uma nova personagem nos revelou a sua encantadadora presença: Uma bela coruja, pintada de cinza e marrom, que ficou nos espiando do alto das árvores do quintal e se deixou fotografar como uma disciplinada modelo! (Rs…)

Sem dúvida, uma misteriosa e grata surpresa nesse nosso jardim adormecido…

DSCN1645

E mesmo já não sendo mais verão, às vezes o nosso grande cacto ainda se lembra de nos presentear com suas  maravilhosas flores noturnas, cujo ápice de abertura só acontece à quase meia-noite…

Mais uma doce e terna surpresa dessa nossa natureza noturna!

DSCN1456

Tudo são estórias pequenas e singelas, mas que se passam quase todos os dias assim, de forma quase silenciosa e despercebida, neste nosso querido jardim adormecido.

Apenas um pedacinho de terra, fértil e iluminada, que faz parte desse nosso cantinho no mundo…

Um jardim que nasceu primeiro em nossos corações, e que  hoje cresce com o vigor da natureza,  a cada dia e noite da nossa caminhada.

Um jardim que adormece para sonhar com noites estreladas e dias ensolarados, e que tanto nos encanta e também nos faz sonhar, com mais flores e lindas plantas, e com dias melhores e de mais paz e amor… Espalhando fé e boas energias por todos os jardins do mundo…

DSCN1812

Abraços carinhosos das flores daqui!!!

fr-flower-butterfly-teresamsg1

15 comentários em “Quando o nosso jardim adormece…

  1. Teresa, e a coruja?! que fofa! adoro!

    Amiga, estou meio ausente por conta de uma inflamação no braço direito.

    Bjs

  2. Que lindo tanto de dia quanto à noite! As luzinhas deixam mágica no ar.Tudo muito lindo, aconchegante!Adoro ver! beijos,linda semana,chica

  3. Oi querida amiga,
    é tão bom poder desfrutar de um espaço assim como o seu jardim, apreciar as transformações nas estações do ano, o amanhecer e o anoitecer, cada fase com seu encanto e magia, tudo isso proporcionado por um pedacinho de chão, cheio de verde, um atrativo para os bichinhos e seres humanos, adoro a possibilidade de ter um cantinho verde pra cuidar, assim como você, podemos dizer que temos mãos verdes, pois adoramos nosso jardim e acho que essa é uma grande afinidade que nos fez amigas. Adorei o seu post, parabéns por fazer dele um poema gostoso de ler.
    Beijos!

  4. Que lindo post Teresa!
    Olha, a corujinha eu amei!!!!
    Adoro ver suas fotos e ler suas palavras, a maneira que você se expressa faz tudo parecer um verdadeiro sonho!
    Bjs, Verônica

  5. Dos pequenos nadas se faz poesia e do mesmo de sempre do dia a dia se tiram lições para a vida. Assim é quem tem a sensibilidade à flor da pele e é capaz de ser feliz com o simples. Lindo tudo isso que partilha connosco, Teresa. Beijo grande.

  6. Lindo!!!
    Adoro passear, mesmo que virtualmente, por esse teu mágico e lindo jardim. Aliás amiga, lendo os teus textos, sinto como se estivesse aí presente…e é muito bom viajar através de suas palavras e fotos.
    Amei a viagem ao teu jardim…parece que a noite, ele fica mais mágico ainda!
    Tenha uma linda tarde Teresa!
    bjus!

  7. Good Evening Teresa, How lovely to be able to visit your garden and to enjoy all the beautiful flowers. The Hibiscus is so very beautiful. Whilst your garden is going to sleep, my garden is awakening. The days are getting longer, the sun is higher in the sky and the flowers are peeping through the soil. I am looking forward to see them grow and bloom as that will be such a treat.
    Have a lovely weekend.
    Best Wishes to you.
    Daphne

  8. Oi Teresa bom dia de domingo pra vc! Os ciclos da vida sempre me fascinaram, as estações do ano, o amanhecer de cada dia, tudo regido por uma energia invisível mas que pode ser palpável nestes acontecimentos cotidianos, o desabrochar de uma flor, ou pelas sombras que engolem o dia. Acho que por nós sermos “animais” diurnos, a noite com seu manto espesso e sombrio sempre meche com nossos sentidos. Já tem um tempinho que não aprecio as sombras nostálgicas do entardecer, com mariposas cinzas e vaga-lumes brilhantes!

  9. Ah Teresa, tudo tão lindo e encantador como sempre. E você, uma perfeita narradora que nos faz viajar em seu jardim e admirar cada cantinho dele. Que flor é essa da segunda foto? Muito linda ! Amei a coruja, vc vive recebendo visitas ilustres por aí !
    Uma linda e abençoada semana pra ti.
    Bjos, Lú.

  10. Oi, Teresa, tudo bem? Que ótimo receber a sua visita lá no blog, muito obrigado pelo carinho e apoio! De fato, a vida está tão corrida que tem sido difícil visitar os amigos, ainda que virtualmente. Peço desculpas pela ausência, mas quero que saiba que sempre tenho este seu cantinho no coração, admiro bastante seu trabalho aqui no blog.

    Adorei esta postagem, principalmente por tratar de um momento mágico que costuma passar despercebido, ainda mais para os moradores de apartamento. Poder fazer estas pequenas descobertas dos seres noturnos não tem preço. Parabéns pelo texto e pelas belíssimas imagens, como de costume!

    Um grande abraço e uma ótima semana a todos!

  11. Por alguns instantes pensei estar sonhando ou dentro de um daqueles livros mágicos que eu costumava ler quando criança. Me estiquei em minha cadeira em frente ao computador e por minutos pensei com que palavras eu iria descrever tanta doçura.
    Senti uma vontade louca de te abraçar, poder dizer com um sorriso verdadeiro olhando em seus olhos que eu à admiro muito. Dizer o quanto vc representa e quanto talento se esconde atrás desses meigo sorriso seu.
    Palavras, frases, fotos…
    A sutileza em colocar cada objeto. A atenção que vc reserva as suas vivas e coloridas flores. O carinho todo especial com que vc retrata as pequenas criaturas.
    Enfim… só posso dizer que isso tudo é MAGICO!!
    Estar aqui é MAGICO!!
    Ser sua amiga é MÁGICO!!
    Minha flor, obrigada por ocupar um cantinho desse lindo coração.
    Beijocas…

Deixe aqui o teu comentário... Vou adorar! E muito obrigada pela tua gentil companhia!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: