De volta às terras encantadas do Maine…

DSCN8788

As horas passam como num sonho quando estamos tão longe de casa… E durante o sono, a alma parece que passeia livre,voando sobre as casas,rios e mares de uma terra estranha…

Mas não se enganem, queridos amigos, pois de fato ainda não retornei àquelas paisagens lindas e de puro encantamento do Maine… Estivemos sim em outras terras mágicas,mas de uma outra  beleza, exótica e quente,de um outro pedaço deste maravilhoso e diverso continente americano, cujo nome revelo depois, porque hoje, em sonho, estive realmente de volta ao Maine!

DSCN8790

E durante este sonho encantado, me vi voando sobre aquele cenário de puro deslumbramento, onde o outono ainda era rei, e as florestas permaneciam pintadas com as vibrantes cores da terra, com  árvores  salpicadas em mil tons de amarelo, cor de rosa e vermelhos vibrantes… Voei rapidamente sobre um grande lago,que parecia um imenso espelho onde a natureza se mirava…Sim, aquela terra era mesmo encantada e o vento cantarolava uma antiga canção indígena aos meus ouvidos!

DSCN8932

Ainda sonhando, em plena madrugada, o dia brilha azul e ensolarado, e passo novamente pelas mesmas estradas que em outubro haviam nos conduzido à um bosque mágico e precioso,repleto da quietude e aconchego das milhares de folhas que a força do outono leva ao chão, e onde em cada curva se revela uma nova beleza aos nossos olhos e corações…Tudo parecia como antes… Tão verdadeiro e brilhante!

DSCN8931

No meio da estrada, avisto novamente a casa grande e antiga que fotografamos naqueles nossos dias de viajantes: Uma velha casa de chá no meio da floresta, dormindo solitária na beira do bosque!

Ah,sempre imagino as estórias que ela guarda entre suas paredes de pedra e alma de flor… Quantos verões e quantas primaveras mornas e iluminadas,quando a alegria dos viajantes enchia o ar e o perfume do chá se espalhava no meio das velhas árvores…E quantos invernos solitários, brancos e frios com os telhados cobertos de neve!

Mas no meu sonho, tudo é paz  e graciosidade…Ainda é um doce outono, e as folhas das árvores bailam  na brisa fria da tarde, e ao redor dela, tecem um extraordinário tapete natural, suave e colorido…

E como num piscar de olhos, a floresta se abre plena e serena, em um cristalino estuário, onde o rio que corre sobre pedras encontra o abraço forte do mar…

DSCN8735

Continuo daqui, o meu vôo solitário, por sobre embarcações e povoados pequenos, que vivem da generosidade das grandes águas oceânicas, que trazem o dom da vida à tantas baías,penínsulas e enseadas…

DSCN8716

Embalada neste sonho que me parece pura nostalgia, me vejo novamente sentada à mesa,com a enorme e bela lagosta à espera dos nossos paladares…  E agradeço à natureza por este belo fruto que vem do grande mar!

DSCN8718

Então, sou dali transportada para uma nova praia de areia grossa e escura, que aparece no horizonte deste meu surreal sonho…E quem sou eu para parar de sonhar?

DSCN8800

Meus pés tocam aquela areia estranha, e caminho devagar, contemplando a paisagem maravilhosa da floresta que avança sobre o mar… Uma onda de paz paira no ar…

DSCN8911

Mas de repente, lá estava ela… No mesmo lugar de antes,quando realmente estivemos por lá, naquele outono já tão longe… A mesma gaivota solitária,com jeitinho de “Fernão Capelo Gaivota”…  Ou será que ela era a própria?(Rs…)

DSCN8923

Linda,tranquila e de olhos curiosos…Mirando o azul profundo do mar!

DSCN8918

Do alto do penhasco, lá estou eu e aquela adorável gaivota…Símbolo da liberdade de voar!

Na magia daquele precioso momento, a brisa marítima vem me contar as estórias de muitos viajantes, que na vida real navegaram por estes mares, de nós tão distantes…

E eu,mais uma sonhadora e passageira do tempo, acordo e retorno à minha singela realidade humana… Será que foi tudo apenas um belo sonho,ou realmente , de alguma forma, estive novamente por lá?

DSCN8928

Penso comigo mesma, como o mundo é grande e repleto de maravilhas que nem imaginamos!

E hoje, de volta ao nosso ninho carioca, venho de outra viagem admirável, e trago na bagagem, muitas lembranças de uma outra terra encantada, de um mundo ancestral, pré-colombiano, misterioso e distante… Será que alguém é capaz de imaginar?

Mas isso já são outros caminhos, outros mares, com novas imagens e belas estórias para contar…

Meu abraço carinhoso no coração sonhador de todos!!!!!!

fr-flower-butterfly-teresamsg1

Anúncios

12 comentários em “De volta às terras encantadas do Maine…

  1. Encantada em te ler, ver tantas fotos lindas e lugares encantados.Adorei a gaivota!

    beijos,tudo de bom, sempre lindo aqui! chica

  2. As imagens são deslumbrantes. É o meu sonho um dia estar viajando por lugares onde as arvores ficam com as folhas nestas colorações….. lindo demais.

    bjs

  3. Tereza! realmente deslumbrante esse lugar!
    lindo colorido da paisagem!
    que bom que tem a oportunidade de tornar esse sonho realidade!
    e pra mim só mesmo em sonhos!

    bjsss

  4. Sonhar ou estar nesse lugar, é um previlegio Teresa…é lindo demais!
    O colorido das folhas é belíssimo, achei mágica a casa de chá no meio da floresta , e o olhar da gaivota…me encantou!
    Adorei amiga!!! :)))
    bjus!

  5. Oi, Teresa! Seus textos e fotos transmitem tanta paz e encantamento. O de hoje está adorável, sem querer, acabei transportado a este lugar encantador. Achei um charme a casa de chá no meio do bosque. Muito obrigado por compartilhar mais esta bela estória, adorei!

    Um grande abraço e tudo de bom!

  6. Oi Teresa,imagino como vc se sentiu escrevendo este texto cheio de sonho e encantamento, é maravilhoso se deixar levar, pela imaginação ou pelos sonhos, sem preocupação se real ou não, e simplesmente deixar fluir, amei seu sonho e as imagens.
    Amiga, eu havia perdido a postagem do jardim japonês , mas acabei de ver e adorei, ficou muito lindo e bastante criativo, e é tão gostosa essa brincadeira, né ?

  7. Ha ha ah, eu já sei para onde vcs foram, mas não vou dizer! Essas fotos são lindíssimas, Teresa. Outro dia estava lendo um livro que se passava em uma cidade do Maine (acho que é “A Garota que Perseguiu a Lua”) e me lembrei das suas fotos. É incrível como visualizamos imagens (paisagens) enquanto lemos, não é? Bjs.

  8. Querida Teresa, como adoro vir aqui e sonhar também!!!Eu me senti com vc no sonho, e tbm senti o cheirinho do mar quando estávamos admirando a gaivota.
    Lindo amiga, vc sabe nos encantar!
    Beijoss

  9. Através das suas fotos fiz uma viagem de sonhos…obrigada por compartilhar! Obrigada também pelo carinho da visita e comentário, adorei vc por lá…volte sempre, minhas varandas ficarão mais azuis ainda (de felicidade) com sua presença! A vc Teresa, um grande abraço e desejos de uma semana cheinha de alegrias!

Deixe aqui o teu comentário... Vou adorar! E muito obrigada pela tua gentil companhia!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: