O Mistério dos Cogumelos Gigantes

                 Chovia bastante aqui no Rio, há algumas semanas atrás. Passamos por uns dias literalmente debaixo d’água… No início de uma noite dessas, chega o meu marido do trabalho, com o olhar de espanto, e me pergunta se eu já tinha visto os cogumelos enormes que tinham nascido no vaso das azaléias… Fiquei  surpresa na mesma hora… “Que cogumelos? Não vi nenhum cogumelo no quintal…”  Falei com ar de pouco crédito. Mas ele insistiu para que eu fosse lá fora dar uma olhada. E fomos todos, eu,ele,os meninos e até a minha sogra. O cachorro logo veio também… Acho que queria fiscalizar aquela “missão familiar” … Todos nós debaixo de uma chuva fina,mas que já molhava bastante.

            E quando iluminamos melhor com a lanterna,  vi os tais cogumelos, dentro do vaso da nossa pequena azaléia!  Fiquei maravilhada… Eles eram realmente imensos! Os meninos ficaram bem admirados e a minha sogra foi logo dizendo que já tinha visto maiores lá pras bandas do Paraná, onde ela nasceu… Corri pra pegar a máquina fotográfica, pois não podia deixar de registrar aquele especial evento natural… Meu Deus, eu nunca tinha visto uns cogumelos deste tamanho aqui em casa! Como é que eles foram nascer bem ali?

             Eles eram de aparência vigorosa e com os “chapéus” marron claro… Bonitos exemplares do reino dos cogumelos. Havia três exemplares, todos quase do mesmo tamanho. Pedi ao meu marido que colocasse uma caneta próxima à eles,para que nas fotos a gente pudesse ter uma dimensão do tamanho destes exóticos seres vivos que haviam aparecido por ali.

 

           

            Tiramos as fotos debaixo da chuva que insistia em cair, com o meu filho maior segurando um guarda-chuva para não deixar cair água na máquina fotográfica… Estava bem escuro no quintal e parecia que estávamos numa missão científica ou num desses documentários naturalistas (Rs…) Os nossos filhos estavam achando até divertido!  Mas eu ainda estava maravilhada com o aparecimento daqueles grandes cogumelos…  Que condições raras trouxeram estes seres vivos até aqui? Me perguntava o tempo todo.

            Os cogumelos, na verdade, constituem as estruturas reprodutoras de alguns tipos de fungos. Estes seres vivos são fundamentais para o equilíbrio dos ecossistemas em geral, desempenhando o seu papel vital de decompositores e recicladores da matéria orgânica. Eles estão por toda a parte… Agindo de forma discreta e muitas vezes imperceptíveis à nossa visão. Muitos fungos eliminam plantas  e outros seres vivos menos saudáveis (como parasitas) e outros ajudam na sobrevivência de seres vivos em condições adversas ( em simbiose- ajuda mútua). Os seus cogumelos podem apresentar formas diversas e inusitadas, cheiros,texturas e colorações curiosas… Quem não conhece aquele “cogumelo clássico” das estórias infantis, vermelho e de pintas brancas ou pretas?  Pois é, este cogumelo é inspirado numa espécie verdadeira, chamada de “Amanita muscaria” que habita as regiões temperadas e frias do hemisfério norte. Sem dúvida são muito bonitos e de aspecto encantador!

             Muitas outras espécies de cogumelos apresentam delicada e exótica beleza!

 

 

                E quem não conhece os famosos “orelhas de pau”? Estranhos e misteriosos seres dos bosques e árvores antigas?

  

Também não podemos esquecer dos cogumelos  que são usados na nossa culinária, e que tão deliciosamente encantam paladares!            E para esclarecer todo o mistério desse post de cogumelos encantados… Eis que acordo no outro dia, e digo pro meu marido que vou fazer uma postagem aqui no blog sobre os nossos “cogumelos gigantes”… E ele começa a rir e dizer que os cogumelos não nasceram aqui em casa não… Na realidade, ele os achou num grande gramado, na volta do trabalho e resolveu trazê-los pra casa e fazer uma brincadeira comigo… É claro que fiquei meio decepcionada… Que pena, não eram nossos os grandes cogumelos! Mas depois ficamos rindo muito  e  eu até fiquei rindo de mim mesma  e da minha ingenuidade… Como é que eu fui cair nessa “pegadinha ecológica”? Acho que eu tinha tanta vontade que tudo fosse verdade, que resolvi acreditar naquela estória de “cogumelos misteriosos”! (Rs…) O fato é que sou fascinada por todos esses seres incríveis da natureza e todas as suas formas graciosas!

            E falando nisso, recebi esta semana, a visita de um “Papai Noel” vindo lá das terras boas do sul… E ele me trouxe uns lindos presentinhos que encantaram a minha emoção! Eles vieram da minha doce amiga Rosana,do querido blog “Amém:Mandalas e Manualidades”! E para ela, com carinho, dedico este meu singelo post dos cogumelos, poi sei que como eu, ela também é admiradora destes pequenos e encantadores seres da natureza!

             Os biscoitinhos maravilhosos feitos pelas mãos de fada da Rosana!

      A bela e delicada guirlanda veio para enfeitar mais o nosso cantinho!

      E o calendário de fadas para alegrar o nosso caminho!

        Te agradeço de coração, querida Rosana, pelo teu carinho ! São os pequenos gestos de pessoas queridas que  trazem alegria ao nosso caminhar!

   E um grande e carinhoso abraço pra todos vocês, queridos amigos(as)!!!

Anúncios

12 comentários em “O Mistério dos Cogumelos Gigantes

  1. Rsssssssssssss…adorei e estava impressionada e tive que rir com a pegadinha do teu mariudo.Eles aprontam,não? Legal! De qq forma, lindos cogumelos … beijos,chica

  2. Você acertou Teresa, eu realmente gostei do post, pois eu adoro cogumelos! Eu não sabia que esses “orelhas de pau” eram cogumelos, que interessante! Taí algo que eu nunca fotografei, embora me perca de vez em quando no quintal, observando cogumelos.
    Que legal a sua expedição, eu tb não iria descobrir NUNCA que os cogumelos tinha sido “importados”!
    Sobre o post anterior, eu adoro hibiscos, tenho praticamente uma coleção deles. Tenho que me cuidar para não sair fotografando todos os dias;) cada flor é única! E os colibris adoram!
    Obrigada pela informação sobre o gambá. E sobre o filme, eu não vi “As crônicas de Nárnia”, pois pretendo ler os livros. Tb adoro filmes italianos, bom, europeus em geral.
    Um abraço!

  3. Menina, nunca vi desses cogumelos! São lindos na foto! imagino como seus filhos devem ter ficado impolgados. Um surpresa e tanto, né?

  4. Que belas coisas se formam na terra 🙂
    Na minha aldeia, Forninhos, estes “frutos” aparecem no Outono a espreitar entre a caruma dos pinheiros ou nos verdes musgos húmidos, depois ficam só à espera que os encontrem. Já tenho saudades de apanhar estes frutos tão naturais.
    Na nossa região há muitas espécies, mas nem todos são comestíveis. Apenas comemos os tortulhos (estes aparecem mais cedo, mais ou menos, por altura das vindimas), assim que cai as primeiras chuvas, que se não me engano são esses que apareceram no seu vaso, e comemos uns cogumelos os amarelos, que chamamos de míscaros. Temos muitas receitas feitas com estes cogumelos.
    Na terra da sua avó, Fornos de Algodres, todos os anos é feito um passeio micológico, apanha de cogumelos. Tenho este tema no meu blog (Forninhos – o novo blog dos forninhenses) nas postagens de Outubro de 2010 (20.OUT.2010) e na etiqueta “gastronomia local” também existem 2 posts sobre cogumelos.

    Um abraço de amizade forninhense

  5. Oi amiga
    Desculpe, mas tive que rir da pegadinha rsrs
    Por aqui tambem temos cogumelos bem bonitinhos, mas vou te confeçar uma coisa, parece que tenho medo deles rsrsrsrs. Talvez porque tenha crescido ouvindo de mamãe, não mecha nisso!…é veneno!…agora quando acho na minha horta-jardim, acho lindo, mas não coloco a mão de jeito nenhum, e os comestíveis…nem pensar…ai, ai…
    bjs
    Tina (MEU CANTINHO NA ROÇA)

  6. Ô, minha querida, eis aqui uma gaúcha que é só sorrisos com a tua homenagem tão verdadeira. Não poderias escolher tema mais adequado, sabes disso, né? Fico muito contente que os mimos daqui tenham levado alegria e o meu carinho. Liberou os biscoitinhos para o Davi? (rs) Que nossas paixões comuns, como os encantadores cogumelos, continuem driblando a distância e nos fazendo próximas. Ah, e sobre a pegadinha, acho que podes ter esperança. Lembra da floresta de cogumelinhos que nasceram no meu quintal? Deixaram “sementinhas”, e num belo dia, renasceram lindos, e para surpresa maior, semanas depois, num vaso dentro da casa da sobrinha vizinha. Então, sabe-se lá o que os gigantes são capazes de aprontar aí no teu vaso, hum? Beijos e muito, muito obrigada pela surpresa!

  7. Lindos os cogumelos,mais logo ví que eles não eram daí,pois não passariam por você assim sem ser notados.São muitos belos e formosos por esse motivo que o seu amado resolveu te presentear com essa linda surpresa.Adorei seus cogumelos.Beijos.

  8. Eu também adoro cogumelos e aqui no meu sítio tenho à vontade, de vários tipos, tamanhos, cores !
    É só começar a temporada das chuvas que eles aparecem.

    Mas, assim como a Tina, eu também tenho receio de por a mão neles…

    Bela e elucidativa postagem !
    Beijo

  9. Que lindos os cogumelos! Esse seu marido hein? e eu achando que esse seu jardim era mágico rs… Adoro cogumelos, sonhava com esses vermelhos assistindo os smurfs rs…
    E que delícia de biscoitos, adoro a Rosana!
    beijo querida

  10. Tê,
    fiquei impressionada com o tamanho deles!
    Achamos muito exóticos e atraentes os cogumelos!!!
    Na comida adoramos, minha filha prepara uns pratos deliciosos com eles!!!
    E sobre a pegadinha….rsrsrs…eu caio fácil também!!!!
    Sou meio que criança as vezes e acredito em tudo!!!
    Mas só quando quero!!!!rsrs

    PS Demorei mas cheguei…é porque vim andando bem devagarzinho pra apreciar as borboletas e os sapinhos do outro post!!!

    bjs mineirinhos!!!

  11. Enormes mesmo! Nunca vi desse tamanho de perto, eu tambem gosto muito dos cogumelos, e lembrei da Rosana ao velos, os cogumelos sempre nos fazem lembrar as fadas, eu acredito nelas, porem sei que podem nao ser boas… abraços!

    ps: seu marido em rs!! quem sabe agora vc seja surpreendida sempre pelos cogumelos, foi plantado 😉

  12. Interessante essa sua historia do cogumelo gigante. Encontrei essa sua materia,procurando informações sobre eles, pois aqui em minha casa, em Itanhaem S. Paulo, ha questão de 1 mes, após longasa chuvas, sob um pé da carambola, nasceram cerca de 10 ou 12 desses cogumelos que me admiraram muito, eram porem bem maiores que os que seu marido colheu. Ainda hoje, dia 30 de Junho brotou um novo de ceca de 20 centimetros de circunferencia. Falei com um japones agricultor na feira livre de hoje, e ele me recomendou entrar no computador para pesquisar sobre esses cogumelos, que ele disse nunca ter visto Pergunto: sera que são comestiveis?

Deixe aqui o teu comentário... Vou adorar! E muito obrigada pela tua gentil companhia!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: